Categorias

"Kátia Simone é uma mulher de olhar refinado, capaz de depurar as cores e as formas tais quais elas foram trabalhadas na pintura renascentista".

João Batista Natali - Jornalista, Professor e Comentarista da TV Gazeta

 
04 junho
2019
Dicas Moda Sem categoria
1179 Views

Estilo da empresa na roupa do funcionário

Pela roupa que vestimos conseguimos passar uma grande parte de nossas intenções. Por conta disso, chamo atenção para o tipo de roupa que usam os colabores que transitam pelo espaço de grandes empresas, escritórios, lojas e até mesmo pelos cômodos de sua casa. Muitas vezes um serviço de excelência pode nem chegar a ser experimentado se a recepção do cliente não comunicar esta linguagem.

Neste sentido, destaco a importância de fazer o estudo da identidade visual de seu negócio e só depois definir que linha de uniforme ou orientações de vestimenta indicar aos trabalhadores.

Divido aqui a coleção feita com um escritório de advocacia que me procurou para definirmos o que seria legal seus funcionários vestirem na hora do trabalho. O objetivo foi passar modernidade, atualidade, conforto, seriedade e discrição. Tínhamos cinco categorias: recepcionistas, secretárias, faxineiras, expedição e copa, sendo que todos são, ou pedem ser, vistos por aqueles que usam os serviços da equipe de advogados.

Juntamos a intenção da mensagem com as características físicas do ambiente, onde predomina o concreto e o vidro. Consideramos o discreto tom de azul presente no cartão de vistas feito em papel vegetal transparente e no lápis usado como brinde. O resultado foi uma cartela de cores com variações de cinza, branco e pespontos no tal azul do lápis. Os tecidos possuem, em sua maioria, uma porcentagem de elastano, para dar conforto aos movimentos. Usamos ainda lã suíça para as pelerines das secretárias e recepcionistas – uma peça que aquece e deixa os braços bem livres para digitar, anotar, atender ligações. Apenas a jaqueta dos meninos da expedição foi feita em tecido 100% poliéster por ser repelente à água, já que os mesmos também fazem serviços externos e precisam se proteger da água e do vento.

É bastante gratificante perceber que, mesmo ainda em pequena quantidade, existem empresas que estudam formas de vestir seus colabores não apenas com um logo, mas também com sua marca de excelência, dando conforto na forma e no material de cada peça usada por todas as categorias. Todos são importantes para o resultado final. E todos querem se sentir bonitos dentro da própria roupa, mesmo que ela seja um uniforme.